Arquivos do Blog

Crônicas do Mundo – Relatos de uma sociedade sem Deus e contra o próprio Deus

Dinheiro, poder e sexo uma maneira eficiente de corromper o Ser Humano.

Essa semana presenciei dois fatos que me deixaram chateado. Um deles foi ver um famoso grupo de rap que sempre criticou o sistema, a mídia e agora é figurinha carimbada, aparecer diretamente na mídia e o outro, um colega meu que sempre criticou o capitalismo de forma severa e hoje é um propagador desse sistema simplesmente pelo fato de ter conquistado uma melhor posição social deixando o dinheiro e poder subir a cabeça. E quantos exemplos não têm de pessoas que chegando ao poder deixam se corromper sendo seduzidas pelo dinheiro, status e por ai vai. Não haveria paginas suficiente se fosse citar para vocês exemplos históricos de pessoas que não somente mudaram seus valores, mas cometeram as maiores barbaridades em busca do dinheiro, fama e prazer, porém todas movidas por um sentimento: a cobiça.

Dinheiro, poder e sexo formam um tripé onde uma coisa leva a outra, pois estão interligados e ninguém está imune sejamos pobre ou rico, humilde ou arrogante, capitalista ou socialista, cristão ou ateu. Todos nós estamos sujeitos única e exclusivamente pelo fato da nossa natureza humana estar corrompida devido ao pecado cometido por Adão e Eva no jardim do Éden, herança que foi transmitida a todos os homens.

Se abrirmos a Bíblia no livro de 1 João capitulo 2 versículo 15-17 ela nos dirá: “Não amem o mundo nem o que nele há. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele; Pois tudo o que há no mundo — a cobiça da carne, a cobiça dos olhos e a ostentação dos bens — não provêm do Pai, mas do mundo; Pois tudo o que há no mundo — a cobiça da carne, a cobiça dos olhos e a ostentação dos bens — não provêm do Pai, mas do mundo”. Ler esse trecho me faz concluir que o mundo é movido por esses sentimentos citados e acho muito estranho uma pessoa que se diz Cristã estar vivendo movida por esse desejo de riqueza, poder. Ou não conhece a palavra de Deus por isso erra, ou não aprendeu nada com o livro de Eclesiastes aonde Salomão uma pessoa que teve tudo que um ser humano deseja (riquezas, bens, mulheres, poder, sabedoria), acabou caindo e no fim de sua vida disse que tudo era vaidade, ou ainda não se converteu precisando aceitar Jesus.

Voltando a falar do mundo, as pessoas que pertencem a esse sistema tem a ideia errônea de que se tiverem poder, dinheiro, obterão a felicidade plena, mas é justamente ai que muitos se perdem, destruindo suas vidas. O sentimento de ganância, a ambição desenfreada, é visto com bons olhos em nossa sociedade e incentivado por diversos segmentos entre elas a mídia, mostrando para que uma pessoa seja vitoriosa e goze de uma felicidade plena ela tem que ter dinheiro, fama, pessoas aos seus pés, viver uma vida no luxo e ostentação, não importando os meios para que isso aconteça. Por que você acha que muitos jovens entraram para a vida do crime, foi somente porque nada no prato pra comer? É lógico que não, muitos entram nessa vida por fama, prestigio, glamour; e por que muitos querem ser jogadores de futebol, como Ronaldo, Neymar & Cia? Por que muitos passam anos a fundo estudando, trabalhando duramente para serem executivos ou grandes empresários de sucesso? Por que os cargos políticos são disputados ferozmente? O desejo de ser mais do que os outros faz parte da natureza caída, pois o ser humano não aceita ser comum, igual, ou mais um na multidão e o mundo capitalista selvagem em que vivemos saber mexer com o ego humano como ninguém, trabalhando para que a pessoa sempre esteja insatisfeita na busca por algo mais nessa vida, eliminando a palavra contentamento, gratidão, satisfação do vocabulário de muitos.

E disse-lhe um da multidão: Mestre, dize a meu irmão que reparta comigo a herança.
Mas ele lhe disse: Homem, quem me pôs a mim por juiz ou repartidor entre vós?
E disse-lhes: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui.
E propôs-lhe uma parábola, dizendo: A herdade de um homem rico tinha produzido com abundância;
E ele arrazoava consigo mesmo, dizendo: Que farei? Não tenho onde recolher os meus frutos.
E disse: Farei isto: Derrubarei os meus celeiros, e edificarei outros maiores, e ali recolherei todas as minhas novidades e os meus bens;
E direi a minha alma: Alma tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e folga.
Mas Deus lhe disse: Louco! Esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado para quem será?
Assim é aquele que para si ajunta tesouros, e não é rico para com Deus.
Lucas 12:13-21.

Mas os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína.
Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.
1 Timóteo 6:9-10.

Quem amar o dinheiro jamais dele se fartará; e quem amar a abundância nunca se fartará da renda; também isto é vaidade.
Eclesiastes 5:10

Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; Não, não; porque o que passa disto é de procedência maligna.
Mateus 5:37. (Essa passagem eu mando especialmente para aqueles que ora defende uma coisa, e depois defendem outra!).

Fabio Rodolpho

Versículo do dia

Provérbios 4:23 NTLH

“Tenha cuidado com o que você pensa, pois a sua vida é dirigida pelos seus pensamentos”.

Que o nosso pensar e agir seja Deus pois Dele procede a vida eterna e perfeita! Ótima semana!

Versículo do dia

Ser sábio é melhor do que ser forte; o conhecimento é mais importante do que a força.

Provérbios 24:5

Versículo do dia

Aí Jesus chamou a multidão e os discípulos e disse: — Se alguém quer ser meu seguidor, que esqueça os seus próprios interesses, esteja pronto para morrer como eu vou morrer e me acompanhe. Pois quem põe os seus próprios interesses em primeiro lugar nunca terá a vida verdadeira; mas quem esquece a si mesmo por minha causa e por causa do evangelho terá a vida verdadeira.

Marcos 8:34-35

Complicado…

image

Crônicas do Mundo – Relatos de uma sociedade sem Deus e contra o próprio Deus

Os perigos da Autoajuda e Auto- Estima [parte 1]

Devido a uma série de fatores escreverei em pequenas partes sobre os perigos e as armadilhas que os conceitos da autoajuda, autoestima podem trazer a vida do indivíduo. Estejam cientes que não poderei expor tudo o que tenho pra dizer, pois o material que tenho em mãos é riquíssimo, mas procurarei ser o mais breve e objetivo possível.

Tudo começou dentro do seminário na minha própria igreja aonde um dos alunos empolgado com o curso de Administração que fez, começou a fazer propaganda de livros de autoajuda e a exaltar seus benefícios, e o pior disso tudo é que vi muitos ali presentes concordando, inclusive o pastor que estava dando aula. Não concordando procurei refuta-los ainda que sozinho o que se tornou um debate polêmico. Outro motivo que estou escrevendo esta crônica é com o objetivo de não deixar o tema morrer, procurando alertar a todo aquele que ler, sobre as armadilhas que ela pode trazer sobre sua vida.

Eu mesmo sou testemunha de que autoajuda nada ajuda, pois durante dois anos da minha vida vivi lendo esses livros, assistindo palestras, lendo artigos na internet, vídeos, mas apesar disso tudo nada mudava pelo contrário minha vida só tinha piorado, foi quando eu decidi refletir sobre o tipo de efeito que isso estava fazendo em minha vida então me arrependi e decidi abandonar estas coisas, percebendo que estava me afastando da Palavra de Deus e centralizando tudo em mim mesmo, por isso voltei para Palavra de Deus e confesso desde então que minha vida tem melhorado e muito em diversos sentidos.

A própria denominação da palavra por si só é enganosa pelo seguinte fato: a partir do momento que você está buscando algo que te ajude seja através de palestras, livros, alguém está te ajudando, deixa de ser autoajuda imediatamente. A autoajuda prega que todos os obstáculos que atravancam sua vida podem ser removidos, bastando você ter uma MERA QUESTÃO DE DISPOSIÇÃO PESSOAL, SEM NENHUMA AJUDA EXTERNA, SEM NENHUMA AJUDA MESMO! NEM MESMO A AJUDA DE DEUS!

O movimento da autoajuda proclama que dentro do seu interior existem todos os recursos que você precisa para ter sucesso, realização dos sonhos e qualquer coisa necessária para desfrutar de uma vida completa de paz, alegria bastando você desenvolver sua personalidade e poderes mentais. Sua maior ênfase é na solução de problemas, progresso e bem estar social a fim de você encontrar a paz de espírito que acompanha sua realização. Sua literatura trata de manuais e textos bem práticos, com narrativa na primeira pessoa, nas quais o sujeito relata a descoberta de suas forças mais intimas e a maneira como empregou para alcançar o sucesso. Portanto sua ênfase no “eu” é puramente humanista e egocêntrica totalmente contrária ao ensino bíblico que diz que Deus é o centro de todas as coisas (Cl 1:16). Nomes como Augusto Cury, Dale Carnegie, Adauto Lourenço, Lair Ribeiro, Spencer Johnson, Norman Vicent Peale, Leo Buscaglia, Lauro Trevisan, Napoleon Hill, Zig Ziglar, Deepak Chopra, Roberto Shinyashiki. Og Mandini em “A Universidade do Sucesso”; “O Maior Vendedor de Sonhos do Mundo”; e seu ex-colega de espiritismo Francisco Xavier, Dr Waldo Vieira com seus livros “Panoramas de Experiências Fora do Corpo” e “700 experimentos de conscientologia” voltados ao desenvolvimento de poderes parapsíquicos, são autores com presença garantida em todas as livrarias, tornando a autoajuda o maior fenômeno editorial desta época.

Muitas religiões se aproveitando deste nicho comercial e de seu forte público consumidor, introduzem os elementos de suas crenças, para divulgar sua visão, sem que a pessoa perceba muitas vezes e infelizmente a Igreja Protestante não ficou de fora dessa. É comum encontrarmos nesses livros elementos da maçonaria, gnosticismo, nova era neurolinguistica, psicologia e todo tipo de filosofia vã recheada de puro paganismo. A partir da lógica de aumento da autoestima a ideia de pecado é praticamente banida. “Não, o homem não pode se ver como indigno, como um pecador, isso destruiria a sua autoestima!” Esta é a alegação daqueles que pregam um evangelho que bebe nas fontes da psicologia. A pregação que infla o ego humano vai na contramão do Evangelho que nos ensina a nossa total dependência de Deus. Esse Evangelho pode não ser agradável aos ouvidos do homem, mas é o único verdadeiro.
Agora deixo essas palavras para você meditarem e pergunto pra vocês a autoajuda está de acordo com a bíblia?
Eu sou a videira, vós, os ramos. Quem permanece em mim, e eu, nele, esse dá muito fruto; PORQUE SEM MIM NADA PODEIS FAZER. (João 15: 5)
TODAS AS COISAS FORAM FEITAS POR INTERMÉDIO DELE, E, SEM ELE, NADA DO QUE FOI FEITO SE FEZ. (João 1:1-3)

Assim diz o SENHOR: MALDITO O HOMEM QUE CONFIA NO HOMEM, faz da carne mortal o seu braço e aparta o seu coração do SENHOR!

Porque será como o arbusto solitário no deserto e não verá quando vier o bem; antes, morará nos lugares secos do deserto, na terra salgada e inabitável.

BENDITO O HOMEM QUE CONFIA NO SENHOR E CUJA ESPERANÇA É O SENHOR.

Porque ele é como a árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e, no ano de sequidão, não se perturba, nem deixa de dar fruto. (Jeremias 17:5-8)

OBS: Ao contrário do que muitos imaginam o texto de Jeremias 17:5 não afirma que o homem que confia em OUTRO HOMEM é maldito, e sim aquele que confia em si mesmo, julgando-se autossuficiente, independente de Deus e por que não dizer, capaz de AUTO AJUDAR-SE (MALDITO O HOMEM QUE CONFIA NO HOMEM).

É MELHOR CONFIAR no SENHOR do QUE confiar NO HOMEM. (Salmos 118:8)

Referências: http://www.webservos.com.br/gospel/estudos/estudos_show.asp?id=2520
http://www.estudosgospel.com.br/estudos/polemicos/auto-ajuda-versus-ajuda-do-alto.html
http://www.webservos.com.br/gospel/estudos/estudos_show.asp?id=889

Fábio Rodolpho

Jesus é :

jesus

Jesus é tudo isso 🙂

REMÉDIO PARA O CORAÇÃO AFLITO

8606love
Era quinta-feira, o dia fatídico da traição de Judas, do abandono dos discípulos, da luta de sangrento suor, da prisão humilhante e do julgamento ilegal do sinédrio. Os discípulos estavam com seus corações aflitos e turbados. Em João 14.1-3, Jesus oferece três remédios para a cura de um coração aflito.

Primeiro, a fé em Cristo. A fé é uma âncora firme quando singramos os mares revoltos da vida. Não temos que olhar a fúria das ondas nem nos amedrontar com o rugido dos ventos. Temos de olhar para Jesus. Segundo, a certeza do céu. O céu é a casa do Pai, onde há muitas moradas. É o lugar preparado para pessoas preparadas. A vida não é só o aqui e o agora. Há um futuro de glória para aqueles que creem no Senhor Jesus.

Terceiro, a segunda vinda de Cristo. Jesus voltará para nos buscar. Subiremos com ele, reinaremos com ele e desfrutaremos com ele as venturas benditas do Paraíso. A aflição não precisa ser nosso cálice nem nosso coração precisa ser sobressaltado pela angústia. Podemos levantar nossos olhos e contemplar, pela fé, as glórias do futuro.

 

Pai, só tu conheces as vezes em que choro e sofro solitária e 
silenciosamente. Enxuga as minhas lágrimas e estampa novamente em meu rosto um lindo sorriso. Em nome de Jesus. Amém.

Falou e disse!

wpid-sharememe3003746317.jpg

Feliz Páscoa

Feliz Páscoa

%d blogueiros gostam disto: