Arquivos do Blog

Ele morreu por mim

image

Anúncios

Crônicas da Igreja – Um relato da condição da igreja nos últimos dias

A Falta de Caráter Cristão

Pensando nesse tema dentro da igreja não foi difícil encontrar notícias de líderes envolvidos em escândalos como corrupção, desvio de ofertas, adultério, briga entre irmãos, muitas resolvidas na justiça e outras no tapa, ódio racial, ódio homofóbico, macumba gospel e por ai vai, demonstrando total falta de caráter cristão em suas atitudes. Agora eu pergunto a vocês: Como uma pessoa com desvio de caráter na liderança da Igreja poderá conduzir outras a serem verdadeiramente cristãs? Muitas vezes os liderados são o reflexo de seu líder. Um pastor mau caráter produzirá ovelhas sem caráter.

A bíblia é muito clara ao dizer que pelos seus frutos (atitudes) conhecerão verdadeiramente quem tal pessoa é (MT 7:16; 20), embora o contexto da mensagem esteja se referindo aos falsos profetas, essa mensagem pode perfeitamente ser aplicada no caso de supostas pessoas que se dizem cristãs, mas que com suas atitudes demonstram ser outra coisa totalmente diferente, levando mal testemunho para o mundo, denegrindo a imagem da Igreja e desonrando o nome de Deus, jogando o nome de Jesus “na lama”, afastando mais e mais a pessoa de Cristo. Não é nada de outro mundo ouvir pessoas de fora igreja comentando que tal pessoa que se diz crente fez isso e aquilo e que para ser desse jeito jamais irá para igreja e muito menos seguir a Jesus, pessoas que se desviaram por causa de uma atitude antiética de um irmão.

Embora a comunidade evita a todo custo tocar nesse tipo de assunto sabemos que há entre nós pessoas dentro da igreja que são aquela benção, mas fora dela são péssimos patrões maltratando, explorando os seus funcionários, não lhe pagando o que devem, negando os seus direitos, pessoas que trapaceiam nós negócios ganhando dinheiro de maneira ilícita, pessoas desonestas no serviço, que passam por cima de qualquer um para conseguir subir de cargo, pessoas fofoqueiras semeadoras de intriga, contenda, desordeiras, sem palavras, insubordinadas, maliciosas, avarentas, ciumentas, invejosas, orgulhosas, arrogantes, vaidosas, mentirosas, matricidas, parricidas, insensatas, e se você duvida do que eu falo, procure ler Romanos 1 do versículo 28 ao 32. Para aqueles que pensam que eu estou julgando, leiam 1 Coríntios 6 do versículo 2 ao 4 e depois me diga qual é sua interpretação.

Enfim vemos falta de caráter cristão desde grandes atitudes até atitudes pequenas como pegar uma coisa emprestada e não devolver, não devolver o troco a mais que recebeu da padaria, vender aquilo que está não muito bem conservado e dizer que está novinho em folha, furar fila no banco, estacionar em locais proibidos, não dar lugar aos mais velhos na frente do ônibus fingido que está dormindo, colar dos colegas nas provas e depois dizer que Deus o abençoou com a nota, pagar pessoas para desenvolver o trabalho que você deveria estar fazendo, matar aula e justificar com atestados médicos comprados, pagar taxa para ser aprovado no exame da carta de motorista, não tendo diferença entre pecadinho e pecadão, pois aos olhos de Deus pecado é pecado!
Esses pequenos “desviozinhos” que mencionei são frutos do famoso jeitinho brasileiro e a lei de Gérson aonde a pessoa gosta de levar vantagem em tudo se aproveitando das situações em benefício próprio não se importando com questões éticas e morais.

A expressão originou-se em uma propaganda, de 1976, para os cigarros Vila Rica, na qual a meia armador Gérson da Seleção Brasileira de Futebol era o protagonista. A propaganda dizia que esta marca de cigarro era vantajosa por ser melhor e mais barata que as outras, e Gérson dizia no final: “Gosto de levar vantagem em tudo, certo? Leve vantagem você também” (Gérson).

Mais tarde, o jogador anunciou o arrependimento de ter associado sua imagem ao reclame, visto que qualquer comportamento pouco ético foi sendo aliado ao seu nome através das expressões Síndrome de Gérson ou Lei de Gérson.

Ao abrirmos a Bíblia em 2 Timóteo cap. 3 o apostolo Paulo diz:
“Sabe, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos.
Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te. Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências; Que aprendem sempre, e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade. E, como Janes e Jambres resistiram a Moisés, assim também estes resistem à verdade, sendo homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé”.

Não irão, porém, avante; porque a todos será manifesto o seu desvario, como também o foi o daqueles. (2 Timóteo 3:1-9). As pessoas a quem o Apostolo Paulo se refere são os falsos mestres e pessoas religiosas (VS cinco) e embora o texto foi escrito por 67 ou 68 d.C., nos parece muito atual para os nossos dias, e creio que isso é fruto do cumprimento da palavra avisando que nos últimos dias essas coisas iriam acontecer e de fato é o que presenciamos hoje em nosso meio. Glória a Deus pela Sua palavra por ser viva, verdadeira e eficaz!

A tendência é somente piorar com o passar das gerações, pois acredito que deveríamos investir mais no ensinamento do caráter dos crentes e do que ensina-los a contribuir, empreender, realizar os seus sonhos, ganhar dinheiro como vemos hoje. Como o tema é muito rico eu continuarei no próximo artigo, mas deixarei essa palavra para meditação e encerramento: “Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem às fontes da vida”. (“PV 4.23)”

Fabio Rodolpho

Versículo do dia

Aí Jesus chamou a multidão e os discípulos e disse: — Se alguém quer ser meu seguidor, que esqueça os seus próprios interesses, esteja pronto para morrer como eu vou morrer e me acompanhe. Pois quem põe os seus próprios interesses em primeiro lugar nunca terá a vida verdadeira; mas quem esquece a si mesmo por minha causa e por causa do evangelho terá a vida verdadeira.

Marcos 8:34-35

Quebra Essa Moisés!

image

Complicado…

image

Crônicas da Igreja – Um relato da condição da igreja nos últimos dias

Preconceito e Intolerância dentro da Igreja

Lendo a reportagem no site Paulo Lopes aonde a Ministra de Política de Promoção da Igualdade Racial Luzia Barros, afirmou que os evangélicos pentecostais estão cada vez mais intolerantes (veja: http://www.paulopes.com.br/2013/01/evangelicos-querem-acabar-com-religioes-africanas-diz-ministra.html#.UVec8BdJOAg) e ainda fatos como a entrevista de Silas Malafaia um dos pastores mais pobres do nosso país (kkkkkkkkk) no programa da apresentadora da Marília Gabriela, as declarações infelizes do Pastor Marco Feliciano que só serviram pra denegrir a imagem da Igreja, sobre negros e homossexuais, sem contar com as infelizes declarações do Deputado Jair Bolsonaro me fizeram refletir e chegar à conclusão de que sim, existem preconceito e intolerância dentro da igreja, com a diferença de que antes era de forma velada e agora está de forma revelada.

Muito desse preconceito manifestado nos cristãos é fruto da influencia de tais pastores e políticos oportunistas como Feliciano, Malafaia, Bolsonaro e por ai vai, que usam os homossexuais o principal alvo da igreja como escada para se promoverem e fazerem média com o povo evangélico, principalmente àqueles mais conservadores e o que é mais chocante para mim é que tais pessoas usam a bíblia para justificar suas ações. Não apoio a causa homossexual por ser contrario ao que palavra de Deus diz (LV 18.22; 20.13; RM 1:24-32), mas também não sou a favor de tais homofóbicos que se utilizam de sua posição para persegui-los, em vez de estar pregando o evangelho a eles, coisa que a igreja deixou de fazer ultimamente com relação aos gays. Fico me perguntando: Se Jesus vivesse em nossos dias, será que ele estaria da mesma forma? Tenho lá minhas dúvidas, pois o evangelho de Lucas relata que sempre esteve ao lado daqueles que eram excluídos da sociedade como cobradores de impostos, prostitutas, ladrões, pessoas pobres, o que me dá a certeza de que Ele estaria pregando o evangelho do arrependimento e mudança de vida, ao invés de ficar ofendendo, provocando, arrumando briga com pessoas de diferente de crenças e ideologias. E muito certamente estaria condenando a ação evangélica pelas suas atitudes.

É necessário analisar os dois lados da questão e ai formar sua opinião antes de sair por ai papagaiando o que esse pessoal diz, sem perceber quais são suas reais intenções e objetivos, sendo apenas usados por essas pessoas. Como toda ação gera uma reação somos alvos muitas críticas, ofensas, provocações, agressões verbais por essa imagem que esses radicais transmitiram de nós, também pelo fato de achar de que suas opiniões representa a opinião de todos os cristãos o que não é verdade. Outra reportagem chocante que você também pode conferir (http://noticias.gospelprime.com.br/denuncias-de-intolerancia-religiosa-crescem-mais-de-600-em-2012/) na qual o ouvidor da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR) Carlos Alberto de Souza e Silva Junior declarou ao UOL que algumas igrejas evangélicas neopentecostais pregam o ódio contra outras religiões e precisam ser tratadas com cautela. “Há ao menos um caso denunciado à ouvidoria de uma igreja cujo líder espiritual vem revelando esse ódio contra as religiões de matriz africana, associando-as às coisas do diabo. Sabemos que esse tipo de pregação, feita por um líder religioso, afeta [influencia] a muitos de seus seguidores.”

Como o assunto é muito extenso e não vai dar pra continuar a escrever mais, só quero deixar que a visão de Deus é bem diferente da nossa, pois para Ele somos todos iguais, frutos da sua criação e pecadores caídos que necessitam da Sua graça para serem salvos de sua própria condição, desse mundo tenebroso e das garras das trevas, e todos nós independente de ser cristão ou não prestaremos conta a Ele por aquilo que fizemos e deixamos de fazer.

Chegavam-se-se a ele todos os publicanos e pecadores para ouvi-lo.
E os fariseus e os escribas murmuravam, dizendo: Este recebe pecadores, e come com eles.
E ele lhes propôs esta parábola, dizendo:
Que homem dentre vós, tendo cem ovelhas, e perdendo uma delas, não deixa no deserto as noventa e nove, e não vai após a perdida até que venha a achá-la?
E achando-a, o põe sobre os seus ombros, gostoso;
E, chegando a casa, convoca os amigos e vizinhos, dizendo-lhes: Alegrai-vos comigo, porque já achei a minha ovelha perdida.
Digo-vos que assim haverá alegria no céu por um pecador que se arrepende, mais do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento.
Lucas 15:1-7.

“Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.” Lucas 19:10

“Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.”
João 3:17.

Fabio Rodolpho

Churrascrente!!!!!

536137_4549479808105_430441588_n

Crônicas da Igreja – Um relato da condição da igreja nos últimos dias

O Pastor e o Lobo

Durante a semana já que não tinha atividade num determinado dia, fui visitar uma igreja conhecida minha que tem de costume realizar estudos bíblicos e orações. No desenrolar do culto chegou o momento dos pedidos de orações. Algumas pessoas levantaram a mão e falaram seus pedidos, inclusive uma senhora que estava aflita, pois necessitava de algo para suprir a sua necessidade básica, algo que não era nada impossível para os irmãos e principalmente o pastor poderiam ajuda lá, mas não o fizeram, simplesmente o que o pastor disse foi “Deus suprirá” e vamos orar por você.
Percebi a indiferença desse homem para com a ovelha, estando bem aquém de um verdadeiro pastor, mas se parecendo com um lobo e pra deixar bem claro tal pessoa é alguém muito bem vestida, fala muitooo bem e o carro que ele dirige não é um dos mais simples. Tal situação me deixou indignado, então para não generalizar ou acabar atingindo quem não merece, pois há muitos pastores verdadeiros vou apresentar um texto cristão bastante famoso que circula pela internet mostrando a diferença entre um verdadeiro pastor e um lobo.

Pastor e lobo gostam de ovelhas e vivem no meio delas, porém, os interesses os diferenciam.
1-Pastores cultivam o aprisco; lobos criam armadilhas.
2-Pastores buscam o bem das ovelhas; lobos buscam os bens das ovelhas.
3- Pastores vivem à sombra da cruz; lobos vivem à sombra de holofotes.
4- Pastores choram pelas suas ovelhas; lobos fazem suas ovelhas chorar.
5- Pastores têm autoridade espiritual; lobos são autoritários e dominadores.
6- Pastores têm esposas participantes; lobos têm mulheres coadjuvantes.
7- Pastores têm fraquezas; lobos são poderosos.
8- Pastores olham nos olhos; lobos contam cabeças.
9- Pastores são ensináveis; lobos são donos da verdade.
10- Pastores têm amigos; lobos têm admiradores.
11- Pastores vivem o que pregam; lobos pregam o que não vivem.
12- Pastores sabem orar no secreto; lobos só oram em público.
13- Pastores vivem para suas ovelhas; lobos se abastecem das ovelhas.
14- Pastores vão para o púlpito; lobos vão para o palco.
15- Pastores se interessam pelo crescimento das ovelhas; lobos se interessam pelo crescimento das ofertas.
16- Pastores alimentam as ovelhas; lobos se alimentam de ovelhas.
17- Pastores buscam a discrição; lobos se auto-promovem.
18- Pastores usam as Escrituras como texto; lobos usam as Escrituras como pretexto.
19- Pastores se comprometem com o projeto do Reino; lobos têm projetos pessoais.
20- Pastores vivem uma fé encarnada; lobos vivem uma fé espiritualizada.
21- Pastores ajudam as ovelhas a se tornarem independentes de homens; lobos criam ovelhas dependentes deles.
22- Pastores são simples e comuns; lobos são vaidosos e especiais.
23- Pastores têm dons e talentos; lobos têm cargos e títulos.
24- Pastores dirigem igrejas-comunidades; lobos dirigem igrejas-empresas.
25- Pastores pastoreiam as ovelhas; lobos seduzem as ovelhas.
26- Pastores vivem de salários; lobos enriquecem.
27- Pastores apontam para CRISTO; lobos apontam para si mesmo e para igrejas deles.
28- Pastores são humanos, são reais; lobos são personagens religiosos caricatos.
29- Pastores ajudam as ovelhas a se tornarem adultas; lobos perpetuam. A infantilização das ovelhas.
30- Pastores quando contrariados silenciam, aquietam; lobos rosnam e tornam-se agressivos.
31- Pastores se deixam conhecer; lobos se distanciam e ninguém chega perto.
32- Pastores lidam com a complexidade da vida sem respostas prontas, lobos lidam com técnicas pragmáticas com jargão religioso.
33- Pastores são transparentes; lobos têm agendas secretas.
34- Pastores ajudam as ovelhas a seguir livremente a CRISTO; lobos geram ovelhas dependentes e seguidoras deles.
35- Pastores criam vínculo de amizade; lobos aprisionam em vínculo de dependência.

E estes cães são gulosos, não se podem fartar; e eles são pastores que nada compreendem; todos eles se tornam para o seu caminho, cada um para a sua ganância, cada um por sua parte. Isaías 56: 11

Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores. Mateus 7: 15.

Porque eu sei isto: que, depois da minha partida, entrarão no meio de vós lobos cruéis, que não perdoarão o rebanho. Atos dos Apóstolos 20: 29

E vos darei pastores segundo o meu coração, que vos apascentem com ciência e com inteligência. Jeremias 3: 15

Fabio Rodolpho

Feliz Páscoa

Feliz Páscoa

Não desanimem

meme4490756455

 

Não importa as circunstancias , não desanimem !
Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.
João 16:33

%d blogueiros gostam disto: